O Ministério da Economia recebeu, por meio da Central de Compras da Secretaria de Gestão, uma doação de 25 mil máscaras padrão de segurança N95 para fortalecer o combate à pandemia da Covid-19. Considerando o preço de mercado, o valor é de aproximadamente R$ 1,4 milhão em máscaras. 

A doação, na terça-feira (24/3), foi uma resposta ao chamamento público divulgado por meio da Central de Compras, aberto até o dia 31 de março. Cidadãos e empresas podem doar produtos médicos e hospitalares. Após essa data, doações de qualquer item destinado à prevenção do coronavírus poderão ser realizadas por meio da plataforma Reuse do governo federal. 

Qualquer pessoa física ou jurídica, nacional ou estrangeira, em situação regular no país, pode se habilitar para a doação, mediante inscrição via internet. As inscrições para as doações podem ser realizadas pelo e-mail: seges.central.doacao@planejamento.gov.br, via protocolo eletrônico eletrônico. 

Confira a lista de materiais a serem doados

1) Máscara padrão de segurança N95/PFF2/N99/N100/ PFF3;

2) Máscara cirúrgica;

3) Protetor ocular ou protetor de face;

4) Luvas;

5) Capote/ avental/ jaleco;

6) Sabão líquido;

7) Álcool em gel;

8) Álcool 70%;

9) Higienizantes para o ambiente;

10) Termômetro digital; e

11) Saco para descarte de resíduo contaminado. 

Para doações pelo Reuse, o usuário deve se cadastrar no portal Gov.br. Após completar o cadastro, basta acessar o site do Reuse e incluir as doações na opção “quero doar”. O interessado deve incluir as informações sobre o produto ou serviço, anexar fotos e indicar se a doação é para um órgão específico (opcional). Ao finalizar, a oferta do doador será analisada pela Central de Compras do ME. Concluída a avaliação, o anúncio do doador será publicado automaticamente pelo Reuse e ficará disponível durante dez dias.