Segundo painel de sanções das federações de membros independentes, a Tailândia e a Malásia foram oficialmente proibidas de mandar seus halterofilistas para as olimpíadas de Tóquio, por causa de doping.

 

Além disso, a Associação Tailandesa de Haterofilismo Amador foi suspensa por três anos e terá que pagar uma multa de 200 mil dólares, enquanto a federação da Malásia de Halterofilismo pegou um ano de gancho.

 

Confira mais informações com o repeórter Bruno Mendes.