Paraibano, ele é um grandes jogadores da história do Flamengo e disputou a Copa do Mundo de 1982 e 1986 pela Seleção Brasileira

Neste sábado (29), o Maestro Júnior comemora 70 anos de uma vida inteira de dedicação e repleta de sucessos no futebol brasileiro e mundial. Ídolo do Flamengo, ele é o jogador com mais partidas (875) e títulos (42, empatado com Zico) na história do clube da Gávea, e marcou 77 gols. Conhecido por sua categoria e classe, não à toa recebeu o apelido de Maestro, que, hoje, é um dos principais comentaristas do Grupo Globo.

Leovegildo Lins Gama Júnior nasceu em João Pessoa, na Paraíba, e chegou ainda criança ao Rio de Janeiro. Revelado pelo Rubro-Negro carioca em 1974, trilhou carreira até se consolidar como uma das referências para a torcida. Como lateral-esquerdo, fez parte da famosa Geração de 81, responsável pelas conquistas do Mundial e da Libertadores de 1981, além dos Campeonatos Brasileiros de 1980, 1982 e 1983.

Zico e Júnior - Copa do Mundo 1982

Zico e Júnior – Copa do Mundo 1982
Créditos: FIFA

Após o período de glórias, Júnior se transferiu para a Itália, atuando pelo Torino entre 1984 e 1987 e pelo Pescara entre 1987 e 1989. Nessa época, ele era um dos principais atletas de sua posição no mundo e já havia sido convocado para disputar as Copas do Mundo de 1982 e 1986 pela Seleção Brasileira.

Mas a passagem pelo Flamengo ainda merecia um último capítulo. Retornou ao Brasil em 1989 e jogou como meio-campista, em virtude de sua qualidade técnica. Foi nessa posição que Júnior levantou a taça da Copa do Brasil de 1990 e do Campeonato Brasileiro de 1992. Ele se aposentou em 1993.

A Confederação Brasileira de Futebol parabeniza e agradece a Maestro Júnior, um dos grandes laterais-esquerdos da história do futebol mundial.

Júnior liderou o Flamengo na Copa do Brasil de 1990

Júnior liderou o Flamengo na Copa do Brasil de 1990
Créditos: site oficial do Flamengo

Categorized in:

Esportes,

Última atualização: 30 de junho de 2024